Explora Enero, Puerto, ¡y mucho más!

Explorar temas relacionados

Porto de Guia de Pacobaíba

Porto de Guia de Pacobaíba

Estação de Guia de Pacobaíba.

Estação de Guia de Pacobaíba.

Guia de Pacobaíba - Baía da Guanabara - Rio de Janeiro - Brasil

Guia de Pacobaíba - Baía da Guanabara - Rio de Janeiro - Brasil

O antigo Largo do Paço e atual Praça 15 de Novembro, quando ainda não havia sido executado o plano de remodelação de 1877, que criou um jardim.   Da esquerda para a direita, parte do antigo Convento do Carmo (atual Faculdade Cândido Mendes) e o passadiço coberto que fazia a ligação coma Catedral, vista a seguir; a Igreja de Nossa Senhora do Monte do Carmo; o Hotel de France, então um dos melhores da cidade e rival do Pharoux. Na frente, o ponto de tílburis.  Foto de Marc Ferrez, c. 1870.

O antigo Largo do Paço e atual Praça 15 de Novembro, quando ainda não havia sido executado o plano de remodelação de 1877, que criou um jardim. Da esquerda para a direita, parte do antigo Convento do Carmo (atual Faculdade Cândido Mendes) e o passadiço coberto que fazia a ligação coma Catedral, vista a seguir; a Igreja de Nossa Senhora do Monte do Carmo; o Hotel de France, então um dos melhores da cidade e rival do Pharoux. Na frente, o ponto de tílburis. Foto de Marc Ferrez, c. 1870.

Enseada de Botafogo - Rio de Janeiro de 1900

Enseada de Botafogo - Rio de Janeiro de 1900

O primeiro automóvel de passageiros que apareceu no Rio de Janeiro foi de José do Patrocínio, por volta de 1895. Movido a vapor, com fornalha, caldeira e chaminé, foi importado da França. Certo dia, o poeta Olavo Bilac, que aprendia com Patrocínio a difícil "arte de dirigir", levou o automóvel contra o tronco de uma árvore, na Estrada Velha da Tijuca, inutilizando-o. Patrocínio ficou desolado; Bilac, ao contrário, gabava-se de ser o precursor dos desastres de automóvel no Brasil.

O primeiro automóvel de passageiros que apareceu no Rio de Janeiro foi de José do Patrocínio, por volta de 1895. Movido a vapor, com fornalha, caldeira e chaminé, foi importado da França. Certo dia, o poeta Olavo Bilac, que aprendia com Patrocínio a difícil "arte de dirigir", levou o automóvel contra o tronco de uma árvore, na Estrada Velha da Tijuca, inutilizando-o. Patrocínio ficou desolado; Bilac, ao contrário, gabava-se de ser o precursor dos desastres de automóvel no Brasil.

Estação Guia de Pacobaíba – #IrineuEvangelistadeSouza #Mauá

Estação Guia de Pacobaíba – #IrineuEvangelistadeSouza #Mauá

Convento da Ajuda, foi inaugurado no dia 30 de março de 1750. Ficava na Rua da Ajuda, uma das mais importantes do Rio antigo, onde hoje é a Cinelândia. No dia 19 de outubro de 1911, as religiosas deixaram o convento, a construção foi demolida para dar lugar à instalação de um luxuoso hotel que nunca existiu. Mais tarde, vários prédios foram construídos no local, como o Cinema Odeon, inaugurado no dia 1o de junho de 1928, que deu inicio a Cinelândia. A foto de maio de 1907.

Convento da Ajuda, foi inaugurado no dia 30 de março de 1750. Ficava na Rua da Ajuda, uma das mais importantes do Rio antigo, onde hoje é a Cinelândia. No dia 19 de outubro de 1911, as religiosas deixaram o convento, a construção foi demolida para dar lugar à instalação de um luxuoso hotel que nunca existiu. Mais tarde, vários prédios foram construídos no local, como o Cinema Odeon, inaugurado no dia 1o de junho de 1928, que deu inicio a Cinelândia. A foto de maio de 1907.

Pão de Açúcar no Rio de Janeiro

Pão de Açúcar no Rio de Janeiro

L'Observatoire Impérial de Rio de Janeiro

L'Observatoire Impérial de Rio de Janeiro

Pinterest
Buscar