Pinterest • El catálogo global de ideas

Explora Flecha De, De Eros, ¡y mucho más!

Daphne From Deverial painting - Dafne - Wikipedia, la enciclopedia libre

Cervelli Orfeo ed Euridice - Orfeo - Wikipedia, la enciclopedia libre

Minerva, a deusa da sabedoria, era filha de Júpiter. Contava-se que saíra da cabeça do deus, já adulta e revestida de armadura completa. Além de padroeira das artes úteis e ornamentais, tanto dos homens — como a agricultura e a navegação — quanto as das mulheres — como a fiação, tecelagem e os trabalhos de agulha —, era também uma divindade guerreira; só protegia, porém, a guerra defensiva e não simpatizava com o selvagem amor de Marte pela violência e pelo derramamento de sangue.

Hera é a mais majestosa deusa do Olimpo. Filha mais velha de Cronos e Réia, assim como seus irmãos, a exceção de Zeus, foi engolida por Cronos antes de nascer. Hera casou-se com seu irmão Zeus, numa linda cerimônia. Dizem entretanto, que o amor entre eles era antigo e que de sua união nasceram quatro filhos: Ares, Hebe, Hefesto e Ilítia. Hera era a protetora das mulheres casadas. Tida como uma mulher extremamente explosiva e ciumenta, que vivia irritada com as infidelidades de Zeus.

Apollo and Daphne ( c.1680–85) – Bernini. He is trying to take her, to rape her and she is a wood nymph. She starts to change into a tree. I felt as though they would start to move.

Asteria - Goddess of the Stars Greek Mythology Art Print

Asteria, Titan Goddess of the Stars, Mother of Hecate.

Eros (em grego Ἔρως; no panteão romano Cupido) era o deus grego do amor. Hesíodo, em sua Teogonia, considera-o filho de Caos, portanto um deus primordial.

Píramo era o mais belo jovem e Tisbe, a mais formosa donzela, em toda a Babilônia, Conversavam por sinais ou por meio de olhares, Na parede que separava as duas casas, havia uma fenda, A fenda permitia a passagem da voz; e ternas mensagens passaram nas duas direções, através da fenda. combinaram que, eles se furtariam aos olhares vigilantes, dirigir-se-iam ao campo e, para um encontro.

Naiad, Yunan Mitolojisinde akarsularda yaşayan nemf (nymph) türüdür. Naiadlar, çeşmelerin, nehirlerin ve kaynakların perileridir. Tatlı sularda yaşarlar ve insanlar gibi ölümlülerdir.Bir Naiad, John William Waterhouse eseri, 1893: bir su nemfi uyuyan Hylas'a yaklaşırken